pub-5468756460556452

09/01/2020 - por R37 Intersect

Depois de uma longa novela, o Atlético-MG anunciou na última noite a contratação em definitivo do volante Allan, que estava no Fluminense. Após se destacar em 2019, o que podemos esperar do novo reforço do Galo? Como foi o desempenho do atleta de 22 anos na última temporada? Confira tudo isso em mais uma análise do R37.

Arte Allan numeros.png

Titular absoluto do Fluminense durante todo o Brasileirão, Allan caiu rapidamente nas graças da torcida tricolor. Após 4 temporadas sem conseguir se firmar no futebol europeu, o jogador conseguiu recuperar seu futebol e ser convocado para a seleção brasileira sub-23 atuando pelo tricolor.

 

Mesmo sendo um volante, Allan chamou a atenção pela sua qualidade no passe. Participando muito da saída de bola da equipe desde os tempos de Fernando Diniz, não era raro ver o jogador aparecendo no campo ataque, auxiliando na criação de jogadas do tricolor. Sendo assim, será que o atleta foi, efetivamente, produtivo no aspecto criativo? Para ajudar a responder essa questão, separamos em vídeo todas as boas ocasiões de gol que o volante proporcionou em 2019.

Criando 6 boas chances de gol nos últimos 12 meses, Allan ainda não pode ser marcado como um grande elemento surpresa. Sem poder de infiltração na área, o principal predicado ofensivo do atleta são os passes longos e a boa visão de jogo.

 

Criação à parte, a principal característica do atleta em 2019 foi a capacidade em iniciar as jogadas de ataque do tricolor. Com uma boa capacidade de conduzir a bola e dar passes que quebram as linhas de marcação, Allan encostava a todo o momento nos zagueiros para qualificar a saída de bola. Para te ajudar a visualizar este predicado do atleta, analisamos as últimas 20 vezes em que o novo reforço do Galo recebeu a bola pressionado por marcadores adversários. Veja o resultado:

Dando sequência a 17 dos 20 lances analisados, fica claro que Allan tem tudo para ser uma peça importante do Atlético-MG no jogo com bola. Tendo uma qualidade técnica acima da média para sair jogando e superar os adversários com suas arrancadas, o volante pode ter seu jogo potencializado caso Dudamel monte uma equipe com um estilo mais propositivo, privilegiando a posse da bola.

 

Apesar de toda a qualidade com a bola nos pés, é importante destacarmos a qualidade defensiva do jogador. Olhando os números, percebemos que o desempenho de Allan não chega a empolgar. Com um número de recuperações de bola e duelos defensivos ganhos apenas razoável, o jogador vai precisar melhorar esses índices se quiser se tornar um pilar defensivo do Atlético-MG em 2020.

 

Para efeitos de comparação, seu número médio de recuperações de bola (6,8) o deixa bem atrás de Jair (10) e Zé Welison (9,2) e um pouco a frente de Elias (5,3), jogadores que atuam em uma faixa de campo semelhante a de Allan. 

 

Estatísticas à parte, também é importante descobrimos o real poder de combate do novo jogador do Galo. Atuando boa parte da temporada como 1° volante no esquema de Fernando Diniz, Oswaldo e Marcão, será que Allan conseguiu levar a melhor sobre os atacantes adversários? Pensando nessa pergunta, analisamos as últimas 20 vezes em que um oponente tentou superar o volante com uma jogada individual.

Sendo superado em 14 dos 20 lances analisados, fica bem claro que, mesmo atuando em uma faixa recuada do campo, Allan passa longe de ser um bom marcador. Sendo batido  muitas vezes pelos adversários, o volante precisou apelar frequentemente para faltas ao longo da temporada. Não à toa o atleta levou 15 cartões em todo o ano.

 

Chegando com um alto custo ao Atlético-MG, Allan não vai ser considerado uma aposta por parte da torcida. Apesar de todo o carinho do torcedor do Fluminense com o jogador, suas temporadas anteriores em equipes médias do futebol europeu fazem com que esse investimento passe longe de ser um retorno garantido.

 

Com predicados muito claros para atuar em um esquema de jogo ofensivo, Allan tem potencial para evoluir ainda mais e ser uma peça importante no esquema de jogo do Atlético-MG. Para a torcida do Galo fica a expectativa que o jogador alcance rapidamente um bom nível, fazendo valer o investimento.

Avaliação R37

Finalização

Marcação

Passe

Saída de bola

Técnica

Velocidade

+

Quer mais estatísticas de Allan ou de algum outro jogador? Acesse os planos do R37 e peça a análise que quiser.

R37 Scout:

Allan, novo reforço do Galo