pub-5468756460556452 pub-5468756460556452 R37 Indica: Andy Polar, destaque do campeonato peruano

15/10/2019 - por R37 Intersect

Dando continuidade a série de indicações do R37, visando a temporada de 2020, apresentamos hoje o peruano Andy Polar. Veja a análise e conheça o meia de 22 anos do Deportivo Binacional, líder do campeonato peruano.

Arte Andy Polar numeros.png

Titular absoluto e camisa 10 do líder do campeonato nacional, Andy Polar vem sendo um dos grandes destaques do futebol peruano. Principal responsável pelo poder de criação do Deportivo Binacional, o jovem meia se notabilizou pelos bons passes, bom poder de drible e participação efetiva nos gols de sua equipe. Veja abaixo todas as vezes em que o atleta balançou as redes ou deu uma assistência em 2019:

Vendo as participações diretas do jogador, podemos perceber um bom poder de finalização. Mesmo sendo um atleta que atua, preferencialmente, pelos lados do campo, o peruano arremata bem de média distância. Com um bom poder de drible e bola parada de qualidade, Andy Polar consegue oferecer perigo ao adversário das mais variadas formas. Números de assistências à parte, separamos em vídeo todas as boas chances de gol que o meia criou. 

Dos 31 passes para finalização ao longo de 2019, 15 deles ocasionaram boas chances de gol para seus companheiros. Se contasse com colegas de equipe um pouco mais qualificados, Andy Polar poderia ter um número de assistências ainda maior. Com uma média de 0,55 oportunidades reais de gol proporcionadas por jogo, o peruano faz jus ao número 10 em sua camisa.

 

Além do poder de finalização e de passes, Polar é conhecido como um atleta mortal nas jogadas individuais. Atuando pelos lados do campo, o drible realmente é um fundamento importante de se observar. Para não ficarmos só na teoria, reunimos as últimas 20 vezes em que o atleta tentou superar um marcador com uma jogada individual. Veja o resultado:

Ao ver o compilado anterior podemos confirmar a teoria. Das 20 jogadas separadas, em 18 oportunidades o peruano conseguiu superar seu marcador ou ser parado com falta. Com muitos dribles curtos e, principalmente, em faixas avançadas do campo, Andy Polar é quase imparável no 1x1 ofensivo.

 

Avaliado em 500 mil euros pelo site Transfermarkt, Polar renovou seu contrato com o Binacional por duas temporadas no final de 2017, segundo o portal La República. Além de atuar em um futebol com um baixo poder aquisitivo, o meia já pode ser adquirido a custo zero por qualquer equipe brasileira, segundo a informação do site peruano.

 

No que pese o nível técnico do campeonato peruano, Andy Polar já mostrou potencial para ser uma peça ofensiva importante para diversas equipes do nosso futebol. Com apenas 22 anos, o meia disputou o último Pan-americano e esteve na pré-lista de Ricardo Gareca na última Copa América. É questão de tempo para o jovem ser peça importante na seleção principal, basta saber se os clubes brasileiros estarão atentos para esta boa oportunidade de mercado.

+

Quer mais estatísticas de Andy Polar ou de algum outro jogador? Acesse os planos do R37 e peça a análise que quiser.

R37 Indica:

Andy Polar, meia do Deportivo Binacional

Fale Conosco

StoryTelling
Quem Somos

Preços e Planos

Arbitral

vila musical.png
Site desenvolvido por R37 Voicers